Na segunda-feira, 27/05, às 17h30, o Colégio Salesiano Dom Bosco (Paralela) realizou o cine-debate durante o lançamento do curta-metragem “Maracangalha, Eu Vou!”. Na ocasião, alunos, ex-alunos, educadores, pais e o publico em geral tiveram a oportunidade de conversar um pouco sobre a produção dom o diretor do espetáculo, Marcos Wainberg , a produtora executiva, Rada Rezedá e parte do elenco.

A entrada para o filme é 1 kg de alimento não perecível, que serão distribuídos entre comunidades carentes da Vila de Maracangalha com o apoio da AMAM – Associação Moradores e Amigos de Maracangalha.

Nossa escola tem a honra de ter a estudante do 4º ano do Ensino Fundamental I do Salesiano, Aine Rocha, como uma das atrizes da filmografia. O elenco de “Maracangalha, Eu vou!” conta com 26 atores estreantes na telona e tem participações especiais de Mônica San Galo, Rosiane Pinheiro e do delelagado Valdir Barbosa.

 “Maracangalha, Eu Vou!” conta a história da artística vila de Maracangalha, em São Sebastião do Passé, no Recôncavo baiano e seus excêntricos personagens. A direção é de Marcos Wainberg (Zorra Total) e o roteiro e produção executiva de Rada Rezedá que soma em seu curriculo 19 curtas realizados em parceria com o produtor Beto Magno (VM Filmes).

Seis destes curtas foram rodados em Maracangalha. Os filmes sobre a vila cantanda por Caymmi são inspirados no livro Cine Marcangalha, de Berbert de Castro – médico, jornalista e comentarista de cinema, que durante 40 anos escreveu crônicas sobre Maracangalha no jornal A Tarde”, em Salvador”